Vale sobe com minério de ferro e sustenta Ibovespa

Vale sobe com minério de ferro e sustenta Ibovespa

O preço do minério de ferro subiu no mercado internacional e favoreceu a valorização das ações da Vale. A alta dos papéis da mineradora ajudou o Ibovespa a fechar em alta. O dia foi de poucos negócios sem a referência do mercado dos Estados Unidos, que não funcionou devido ao Dia de Martin Luther King. O Ibovespa subiu 0,28% aos 63.831 pontos, com movimento financeiro de R$ 7,2 bilhões. Neste valor, estão incluídos R$ 2,9 bilhões referentes ao...

Read More

As perspectivas para os fundos imobiliários em 2017

As perspectivas para os fundos imobiliários em 2017

Quando se pensa em investimento, provavelmente a primeira pergunta que vem à mente é: “onde devo investir meu dinheiro?”. Bom, se essa não for a primeira pergunta, com certeza será a segunda. As respostas serão variadas e provavelmente só serão assertivas depois de muitas perguntas. Perfil? Horizonte? Objetivos? Tolerância a risco? Preferência setorial? Afinal, cada investidor tem suas próprias idiossincrasias. No mundo dos fundos...

Read More

Queda nos juros favorece papéis de construtoras

Queda nos juros favorece papéis de construtoras

Apesar de o corte da taxa básica de juros da economia favorecer praticamente todas as empresas de construção, algumas serão mais beneficiadas do que outras. As companhias mais favorecidas serão as que têm o maior endividamento. Além da redução da dívida, a queda nos juros pode aquecer a demanda por imóveis, no médio e longo prazos, o que vai favorecer o caixa das empresas. Na quarta-­feira, o Comitê de Política Monetária (Copom) reduziu a taxa...

Read More

Selic menor vai empurrar aplicador para novos riscos

Selic menor vai empurrar aplicador para novos riscos

A aceleração do corte de juro pelo Banco Central (BC) pode ser um despertar para os investidores ainda apegados aos ganhos fáceis dos títulos públicos pós-fixados ou do Certificado de Depósito Interfinanceiro (CDI, a taxa interbancária). Com a redução de 0,75 ponto percentual da Selic, para 13% ao ano ­- ante o consenso de 0,50 ponto -­, mais o aplicador vai precisar incorporar novos riscos à carteira para ter os mesmos resultados. Papéis...

Read More

Poupança volta a ganhar da inflação com IPCA menor

Poupança volta a ganhar da inflação com IPCA menor

Graças ao IPCA mais amigável em 2016 -­ que fechou em 6,29%, ante 10,67% em 2015 ­- a poupança voltou a exibir retorno acima da inflação, de 1,9%. Segundo levantamento da Economática, o resultado é o melhor desde 2009, quando a caderneta rendeu 2,63% mais do que o índice oficial de custo de vida. Isso significa que o poupador teve ganho de poder aquisitivo, depois de um 2015 em que houve perda real de 2,28%. Mas antes que o aplicador se...

Read More

Tesouro Direto atrai com baixo risco e bom retorno

Tesouro Direto atrai com baixo risco e bom retorno

Com a baixa rentabilidade da poupança em um cenário de inflação e juros em alta, a procura pelos papéis do Tesouro Nacional ganha fôlego. Além do melhor retorno, o fácil acesso e o baixo risco também são fatores que explicam o interesse por esse investimento. O tipo de papel mais atraente dentro desse universo, no entanto, muda conforme o perfil do investidor. Vale lembrar que antes de fazer escolhas é preciso considerar uma série de pontos,...

Read More